Aulas 100% on-line

Seg-Sex: 7h-21h    Sáb: 8h-13h

+55 48 99154 4263

Conhecimento de italiano é obrigatório para cidadania por casamento

Em setembro de 2019 entrou em vigor o Decreto Salvini, isso significa que passa a ser exigido o nível de proficiência B1 no idioma italiano para quem pretende entrar com processo de dupla cidadania por via do casamento. Esse documento – o que comprova o seu conhecimento da língua – será exigido assim que o requerente solicitar o processo, portanto já no início de tudo.

Como, então conseguir esse certificado de idioma? Vale lembrar que nem todos os certificados são aceitos, somente terão validade aqueles oficiais, como o CELI e o CILS, que são oferecidos pelas universidades de Perugia e Siena, respectivamente, no mundo todo e em datas específicas. Diferentemente do TOEFL (que o certificado linguístico para o inglês), quando se faz o CELI ou o CILS você precisa escolher para qual nível irá aplicar o seu teste de proficiência. Por exemplo: para a cidadania por via do matrimônio você precisará comprovar, no mínimo, o nível B1 do idioma, logo, deverá fazer o CELI 2.

O CELI é dividido em 6 níveis, cada um de acordo com um nível do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas (QCER), que vai do A1, A2, B1, B2, C1 ao C2, sendo o A1 o nível mais básico e o C2 o mais avançado.

O QCER, por sua vez, é o quadro que dá as bases para um ensino de um idioma; certamente você já deve ter reparado no seu livro de italiano essas siglas A1, A2, B1, B2, C1 e C2. O conteúdo que será ensinado em cada livro é justamente determinado pelo QCER. Por isso é importante você verificar com a sua professora ou professor qual o material será utilizado e se ele seguirá as divisões do QCER. Por essas e outras razões nos cursos da Italiano Descomplicado damos preferência aos livros que sigam o QCER, assim desde a primeira aula o aluno passa a ser, também, preparado para superar um exame de proficiência do italiano.

No nosso curso de italiano para cidadania usamos o livro Nuovo Espresso ou Nuovo Progetto Italiano até o nível B1, ao atingirmos esse nível o aluno será submetido a um simulado do CELI 2 e deverá comprovar sua competência do idioma nas 4 habilidades linguísticas: falar, ler, ouvir e escrever.

No documento oficial do QCER em português, há uma tabela para auto avaliação do seu conhecimento em um idioma, no nível B1 as exigências são as seguintes:

Compreensão oral:

compreender os pontos essenciais de uma sequência falada que incida sobre assuntos correntes do trabalho, da escola, dos tempos livres, etc. Sou capaz de compreender os pontos principais de muitos programas de rádio e televisão sobre temas actuais ou assuntos de interesse pessoal ou profissional, quando o débito da fala é relativamente lento e claro.

Leitura:

compreender textos em que predomine uma linguagem corrente do dia-a-dia ou relacionada com o trabalho. Sou capaz de compreender descrições de acontecimentos, sentimentos e desejos, em cartas pessoais.

Interação oral:

lidar com a maior parte das situações que podem surgir durante uma viagem a um local onde a língua é falada. Consigo entrar, sem preparação prévia, numa conversa sobre assuntos conhecidos, de interesse pessoal ou pertinentes para o dia-a-dia (por exemplo, família, passatempos, trabalho, viagens e assuntos da actualidade).

Produção oral:

articular expressões de forma simples para descrever experiências e acontecimentos, sonhos, desejos e ambições. Sou capaz de explicar ou justificar opiniões e planos. Sou capaz de contar uma história, de relatar o enredo de um livro ou de um filme e de descrever as minhas reacções.

Escrita:

escrever um texto articulado de forma simples sobre assuntos conhecidos ou de interesse pessoal. Sou capaz de escrever cartas pessoais para descrever experiências e impressões

Você se identifica como capaz de ter uma boa desenvoltura em italiano nesses tópicos e na forma descrita? Caso ainda não se sinta seguro, entre em contato com a gente que certamente encontraremos a melhor solução para melhorar a sua segurança no italiano!

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Imprimir

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Leia mais

Utilizamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Veja nossa política de privacidade e termos de uso.